Vai fazer uma live? Veja dicas para não cometer equívocos em frente à câmera!

foto de homem nervoso roendo as unhasFazer uma live para transmitir um conteúdo em primeira mão ou fazer aquele bate papo com a galera, contar uma novidade, promover sua empresa e interagir com o seu público é uma ótima estratégia. Mas é preciso ficar ligado e soltar a criatividade que existe em você.

Muita gente fica tímida em frente às câmeras e trava. Pensando nisso, hoje vamos te dar algumas dicas. Elas servem não só para vencer a timidez, mas para definitivamente não fazer feio em frente à câmera!

Calma, não precisa roer as unhas! Controle a ansiedade e garanta o sucesso com alguns procedimentos que trazemos a seguir:

Posição da câmera

Na hora de fazer a live mantenha sua câmera na horizontal.

Isso permite captar mais do ambiente e dar uma visão melhor à quem está assistindo. Evita também “espaços nulos” ao redor da imagem que aparece na tela.

Outra dica: mantenha sua câmera sobre uma superfície estável. Usando um tripé, você pode evitar que ela trema demais durante a transmissão, o que prejudica a qualidade da imagem.

Lembre-se de testar os equipamentos antes e também a conexão, para ver se está rodando direitinho. Procure interagir com o público, com frases como “E aí, o que estão achando?”, “Mande suas dúvidas”, “Envie comentários”, que ajudam a descontrair e colher o feedback de quem está te vendo.

Procurar essa conexão com o público pode dar dinamismo e sentido à live, te ajudando a conduzir a conversa por tópicos que sejam mais relevantes para sua audiência.

Portanto, não tenha medo! Chame a galera para participar!

Tenha domínio do assunto que vai falar

Na hora de responder a perguntas ou falar rola aquele frio na espinha?

Mais do que dominar técnicas de oratória, o importante é ter domínio do assunto que você vai falar. E estar previamente bem informado do tema para possíveis questionamentos.

Leia, pesquise e converse com membros da sua equipe sobre o tema. Além dos conhecimentos que você já possui, é importante estar antenado em tudo o que pode se tornar dúvida na hora da transmissão ao vivo. Logo, isso evita que você seja pego de surpresa!

Assim também ajudará com a desenvoltura em frente às câmeras e, mesmo que esquecer algum ponto ou não decorar (aliás, isso nunca é recomendado!), você vai saber como retomar uma linha de raciocínio e construir argumentos, além de conduzir o bate-papo com mais naturalidade.

Então relaxe os ombros e confie no “briefing”: tenha uma relação de tópicos previstos para ajudar a estabelecer uma sequência lógica nas falas e se expresse de modo mais natural possível.

Conheça seu público e pense de antemão na linguagem que ele entende e traga informações de forma sucinta sobre você quando for iniciar a transmissão, apresentando o temas e abrindo espaços para discussão no decorrer, sempre que isso puder enriquecer o vídeo.

Dicas de postura para fazer uma live

Na hora da live, evite padrões que passam despercebidos, como arrumar em demasia os cabelos, mexer exageradamente nas roupas ou qualquer outro gesto que mostre nervosismo.

Busque respirar fundo e olhar para a câmera ou para quem estiver com você no momento sem esquecer de, intercaladamente, olhar em direção novamente ao aparelho, mostrando que, mesmo nos minutos em que você estiver interrogando ou respondendo a algum convidado presente no cenário, não se esqueceu de que há um público te olhando do outro lado.

Toda vez que eventualmente mudar de posição, procure certificar-se de que ainda esteja dentro do limite de captação de imagens da sua câmera.

Dicas de voz

Solte a voz com segurança. Procure falar em um tom não muito baixo.

Dica: preocupe-se também com a qualidade do som e dos captadores, que fazem toda a diferença. Preparando de antemão os microfones e os aparelhos de áudio profissionais, então, você não está sozinho: confie nos equipamentos e na tecnologia certa e terá meio caminho andado.

Escolha um local adequado para fazer sua live

O ideal é ter um local silencioso, calmo e aconchegante.

Procure um visual atraente ao fundo, uma iluminação  legal e, principalmente, evite interrupções. Converse com as pessoas em volta e peça compreensão para não haver ruídos no momento da live, passando a elas uma previsão de duração.

Se for o caso, ao transmitir a live de um coworking ou escritório, por exemplo, vale colocar uma plaquinha avisando os colegas de que você está ocupado e que falar mais baixo ou esperar, no momento, são atitudes bem-vindas.

E então, gostou das dicas para fazer uma live? Se sente mais confiante agora? Mande suas dúvidas ou interaja pelos comentários, contando para a gente situações que você já enfrentou ou quais suas maiores dificuldades!